domingo, 14 de maio de 2017

Benfica tetracampeão | Festa num "Marquês" improvisado num restaurante de algarvios em Díli

PARTILHAR
Díli, 13 mai (Lusa) - Uma praça do Marquês do Pombal improvisada num restaurante de um casal algarvio em Díli acolheu hoje os festejos de dezenas de portugueses que se juntaram para ver a conquista pelo Benfica do seu primeiro tetracampeonato de futebol.

O "marquês" estava assinalado num pequeno cartaz por cima da porta do "Tavirense", o restaurante que há quase um ano "acolheu" o dérbi Sporting-Benfica, que também permitiu ao clube da Luz assegurar a vitória no campeonato.

Num vidro, estava um outro cartaz com a frase "Reservado - Timor-Leste quer o Benfica campeão".

Desta vez, e ao contrário de 2016, o público era só de benfiquistas que se juntaram na madrugada de Díli - o jogo começou às 02:15 de domingo em Díli - para ver a vitória do Benfica, equipa que tem na capital um clube irmão, o Sport Díli e Benfica.

Toy e Lena Conceição, o casal de Tavira que tem o "Tavirense" aberto desde o ano passado, garantiram as moelas e bifanas para os portugueses que se reuniram para ver o jogo, que desde cedo trouxe alegrias à Rua 30 de Agosto - o dia assinala o referendo histórico de 1999, em que os timorenses escolheram a independência.

A noite foi de muitos festejos, a cada um dos cinco golos do Benfica no jogo com o Vitória de Guimarães. O único que acabou por ter festejos atrasados foi o terceiro, de Jonas, de penálti: a ligação à internet que permitiu ver o jogo de forma 'pirata' caiu exatamente quando o jogador do Benfica se preparava para rematar.

Este foi um fim de semana em que se falou de Portugal muito mais do que é normal em Timor-Leste.

A visita a Portugal do papa Francisco, por ocasião do centenário das aparições de Fátima e o Festival da Eurovisão têm sido dois dos temas mais debatidos nas redes sociais em Timor-Leste.

E da mesma forma que se organizaram encontros para ver a vitória do Benfica, também se organizaram outros para ver Salvador Sobral em Kiev.

Devido à diferença horária, mais oito horas do que em Lisboa, as notícias que chegam de Portugal obrigam a madrugadas longas do outro lado do mundo.

O Benfica conquistou hoje o 36.º título de campeão nacional de futebol da sua história, o quarto consecutivo, ao vencer na receção ao Vitória de Guimarães, por 5-0, em jogo da 33.ª e penúltima jornada da I Liga, contabilizando 81 pontos, mais oito do que o FC Porto, que conta menos um jogo.

ASP // PNG
PARTILHAR

Author: verified_user

Publicação luso-timorense sem fins lucrativos

0 comentários: