sexta-feira, 1 de junho de 2018

Não tem sido fácil a vida para a maioria das crianças timorenses…

PARTILHAR

Dia Mundial da Criança, 1 de Junho de 2018. A fotografia (em cima) destas crianças timorenses - salvo erro de autoria de Almeida Serra - já tem cerca de 15 anos, o que significa que estas então crianças timorenses neste ano de 2018 terão mais de 20 anos, são jovens adultos. Desejar que estes quatro donos de risos e sorrisos ímpares estejam muito bem é obrigatório.

Não tem sido fácil a vida para as crianças timorenses (excepto para as crianças das elites) e hoje pouco de diferente está a acontecer, principalmente no interior do país e em sucos marcadamente abandonados à sua sorte (um azar). O fosso entre os que roubam e vivem muito bem (ricos) e os pobres é enorme. A injustiça social é permanente - quase não há quem a isso faça referência e o que os estudos e gráficos nos mostram não correspondem exatamente (mais aproximadamente) aos quantitativos reais. A olhos vistos as carências dos timorenses são enormes, atingem números astronómicos, as crianças são as mais vulneráveis e as maiores vítimas.

Um milagre talvez fizesse com que algumas personalidades dos poderes vigentes, endeusadas sem se perceber porquê, revertessem a situação de miséria de muitos milhares de cidadãos de pleno direito da Pátria do Sol Nascente, da Pátria dos Resistentes, da Pátria dos Heróis Anónimos que são quase todos os daquele povo do país irmão da lusofonia. Heróis Anónimos que foram e são abafados por uns quantos que tomaram os poderes e retiram benefícios pessoais exagerados ou oportunistas sem se lembrarem que a história de Timor-Leste se escreve e existe com o povo e pelo povo. Esses mesmos, os tantos "mais carenciados".

O melhor e o que é devido a todas as crianças timorenses deve ser a luta que alguns das elites pervertidas façam de bem em prol dos homens e mulheres do futuro de Timor-Leste. A partilha é um ato humanamente obrigatório, decente e louvável. A ganância e a avareza, o roubo, é o seu contrário e abominável. Vivam as crianças de Timor-Leste!

AV = MM
PARTILHAR

Author: verified_user

Publicação luso-timorense sem fins lucrativos

0 comentários: